O compacto de 7 polegadas completa 65 anos!

Compacto 7No dia 31 de março de 1949, há exatos 65 anos, a RCA Victor lançava nos EUA o primeiro compacto da história! O disco de 7 polegadas e 45 rotações por minuto competia com o LP (de 12 polegadas e 33 rpm), que a Columbia havia colocado no mercado um ano antes.

O primeiro compacto foi prensado na cor “verde calcinha transparente”, e apresentava o músico country Eddy Arnold executando a faixa Texarkana Baby (clique aqui para ouvir).

Fruto de 10 anos de pesquisa, o disco de 7 polegadas se consolidou como o padrão universal da indústria de discos até meados da década de 1960, quando foi suplantado pelo long play.

Menos frágil, menor e mais barato que um 78 rotações ou um LP, quando surgiu o 45 rotações foi um sucesso imediato. Nos primeiros três meses, a RCA Victor aumentou suas vendas em 260%!

Seu aparecimento coincidiu com uma ascensão da economia americana. Em menos de 5 anos, o mercado fonográfico reconhecia que os adolescentes eram os principais consumidores do formato. As gravadoras mantinham as jukeboxes das lanchonetes sempre abastecidas com as principais novidades musicais.

Foi graças a essa libertação do rádio da família que os adolescentes puderam optar pelo rhythm’n’blues e, em seguida, pelo rock’n’roll — gêneros demonizados pela sociedade na época. Foi ao som dos compactos que os jovens ajudaram a empreender a revolução cultural que acabou mudando a cara do mundo contemporâneo.

Vida longa aos compactos!

(Lester Benga)

Comentários

Comentários