The Galaxies: raridade do rock brasileiro ganha reedição de luxo

O único álbum do grupo The Galaxies, lançado originalmente em 1968, está prestes a ganhar a sua primeira e única reedição oficial. O disco é um dos mais raros do rock brasileiro, sendo procurado por colecionadores de psicodelia sessentista em todo o mundo.

The Galaxies (1968) - LP com encarte [Selo180 - Record Collector 2015]O The Galaxies surgiu no circuito do rock de garagem paulista da década de 1960 com uma formação singular: os brasileiros Zeca de Aquino (bateria), Alcindo Maciel (baixo), a americana Jocelyn Anne Odams (vocal e maracas) e o inglês David Charles Odams (guitarra e vocal). Distanciando-se da Jovem Guarda, o grupo buscava influências em nomes como Yardbirds, Rolling Stones e Animals para alcançar uma sonoridade psych com matizes verdadeiramente tropicais, sendo uma das bandas nacionais mais singulares da época.

Apesar de ter ganho uma versão parcial (com apenas 8 faixas) e pirata em vinil de 10 polegadas no início dos anos 2000, a nova reedição é destinada para colecionadores preciosistas. Além de resgatar o álbum na íntegra, com todas as 12 músicas, conta ainda com duas faixas bônus completamente inéditas, extraídas de um acetato fornecido pelo baterista Zeca de Aquino.

O áudio para o relançamento foi tratado por Arthur Joly e o disco ganhou prensagem de altíssima fidelidade, com corte em DMM (Direct Metal Mastering) no Leste Europeu. A arte de capa e contracapa foram mantidas exatamente iguais a edição original de 1968, para atender aos colecionadores mais exigentes. Completando essa edição limitada (são apenas 500 exemplares), o LP contará com um encarte bilíngue (português/inglês) trazendo a história da banda, o processo de produção da nova versão, além de fotos raras.

Ainda inédito em CD, The Galaxies está sendo relançado numa parceria entre os selos Record Collector Brasil e 180 Selo Fonográfico. O disco deve chegar ao mercado no dia 1º de julho de 2015.

(Rodrigo de Andrade)

Selo180 & Record Collector: parceria em alta fidelidade!

Record CollectorRecord Collector e 180 Selo Fonográfico irão sacudir o mercado fonográfico brasileiro! As duas empresas, dedicadas a música em formato analógico, estão anunciando oficialmente uma parceria que irá render uma série de lançamentos em vinil. Os primeiros discos produzidos em conjunto serão lançados logo no início do segundo semestre.

Os títulos a serem prensados ainda não foram divulgados, mas o que se pode adiantar é que a parceria se propõem a resgatar raridades do rock nacional. Discos esgotados serão relançados e algumas gravações raras serão prensadas em vinil pela primeira vez! Os registros datam da década de 1960 e 1970.

Rodrigo ‘Garras’, do Selo180, comenta: “Já trabalho em parceria com o Fred [da Record Collector] faz muitos anos. E apesar de só agora estarmos anunciando oficialmente que vamos começar a produzir em conjunto, já estávamos em tratativas com bandas e gravadoras faz algum tempo”.

Sobre os lançamentos, o que se pode adiantar é que será resgatado um registro de uma banda da cena psicodélica pernambucana dos anos 70. Também, um dos “elos perdidos” na obra de Raul Seixas será prensado em vinil pela primeira vez. Além disso, estão em tratativas bem avançadas para relançar um dos discos mais procurados (e caros) do rock brasileiro.

Audiófilos e colecionadores de discos, fiquem ligados que, em breve, os títulos serão anunciados. Surpresas empolgantes estão vindo por aí.

(Jorginho Maneiro)